O incrível hotel submerso da Tanzânia

Localizado na Tanzânia, mais precisamente na Ilha de Pemba ao norte do país, está o magnífico The Manta Resort, um hotel diferente de tudo o que você já viu sobre hospedagem para turistas. Isso tudo por que há uma acomodação submersa, na costa da África, longe de tudo e de todos, ou seja, o lugar perfeito para quem procura relaxar e fugir da vida estressante das grandes cidades modernas.

Portanto, se sua expectativa é ficar em um grande hotel e com dezenas de funcionários para te atender, esqueça, esse hotel é para quem procura um ambiente intimista e tranquilo. Para se sentir ainda mais a vontade, o hotel lhe garante um membro que tem uma única responsabilidade: te fazer sentir em casa.

o-hotel-submerso-da-tanzania-033

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

O mais interessante de tudo é que a Ilha de Pemba ainda é um lugar pouco explorado por turistas estrangeiros e o The Manta Resort surgiu justamente para mostrar aos turistas que é possível se manter totalmente desconectado do mundo, em um ambiente repleto de natureza ao redor.

O clima tropical também é um ponto positivo da ilha, com uma temperatura média de 30ºC durante o ano todo e localizado próximo ao trópico do Equador, este é o lugar ideal para aproveitar os mergulhos e a vista incrível do quarto submerso do hotel. Além disso tudo, a Ilha fica distante dos ciclones tropicais da região, mantendo o clima estável e agradável. Os melhores meses para visitar essa região são os primeiros meses do ano, de janeiro a março.

Em relação à culinária do hotel, a maioria das refeições são servidas na varanda do seu próprio quarto, com vista de 360º para o oceano. Como uma tradicional ilha tropical, os pratos variam entre frutos-do-mar e pratos típicos da região, caso tenha interesse em experimentar.

o-hotel-submerso-da-tanzania-024

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Mas como fazer para chegar até um local tão remoto? Bom, a graça disso tudo está no difícil acesso, se fosse fácil, já não teria o mesmo significado.

Antes, veja no mapa qual é a exata localização do hotel.

Para se chegar até a Ilha de Pemba partindo do Brasil, serão necessárias algumas, muitas, horas de voo e várias conexões. Para facilitar o exemplo, saindo de São Paulo é preciso pegar um voo para Lomé (capital de Togo, e infelizmente cidade com foco atual do Ebola) e de lá voar até a Etiópia. Parece fácil, mas essa parte é ainda a metade do caminho.

Saindo da Etiópia, é necessário pegar um  voo para o aeroporto de Dar es Salaam, antiga capital da Tanzânia. Após esse voo, é preciso mais um até Zanzibar, país natal do ex-cantor Freddie Mercury, do Queen, e de lá mais um trecho de avião até o Aeroporto Wawi, já na Ilha de Pemba.

Não é todo mundo que tem essa paciência e coragem, mas além disso tudo, o preço da passagem aérea também não ajuda muito os brasileiros. Um voo de permanência de 7 dias na Ilha de Pemba, não sai por menos de R$ 6.000, todos os trechos ida e volta.

Como dissemos, o ponto alto do hotel é o seu quarto submerso, que oferece uma visão única do mar e certamente uma sensação incrível.

o-hotel-submerso-da-tanzania-021

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

 

Confira o vídeo produzido pelo próprio hotel:

Quanto aos custos do hotel, eles cobram do hóspede todo o diferencial que lhes oferece, como a tranquilidade, uma paisagem cinematográfica e uma experiência única, claro. Fizemos uma cotação com o The Manta Resort e o custo para 7 dias de hospedagem no quarto subaquático é de R$ 28.000, para 2 pessoas. No entanto o resort também oferece acomodações tradicionais, com tarifas a partir de R$ 5.500 par os 7 dias de estadia.

Com certeza são poucas pessoas no Brasil que tem a possibilidade e investimento para fazer uma viagem dessas partindo diretamente do Brasil, mas caso já esteja planejando pela África, quem sabe não pode ser um lugar interessante para se visitar?

Enquanto isso, nós, meros mortais continuamos admirando as fotos desse lugar incrível na África.

Autor: Matheus Giácomo

Entusiasta da fotografia e publicitário de profissão, sou um viajante frequente pelo mundo com vontade de desbravar países e continentes a cada nova oportunidade.

Compartilhe este post em